• Adriana Tanese Nogueira

RESILIÊNCIA

As dificuldades frequentemente preparam pessoas normais para um destino extraordinário.

C.S. Lewis

Dizem que esses tempos de COVID19 irão mudar a forma como vivemos. Alguns sugerem que seremos finalmente uma sociedade mais justa, outros afirmam que o vírus nos mostra que “ninguém se salva sozinho”, que precisamos uns dos outros. Todos observamos os efeitos positivos da nossa reclusão sobre o restante da vida na Terra, acredito que muitos nutrem a esperança de que seja possível algo parecido a um novo paraíso terrestre onde homens e feras possam conviver se não sempre pacificamente, certamente em respeito e harmonia. Alegra os nossos corações ver tanta renovação de vida animal e vegetal, para não falar do ar. Tudo se recuperando enquanto nós fomos postos de castigo.


Se seremos ou não pessoas e sociedades melhores quando sairmos dessa quarentena depende inteiramente de nós. Em vista desse objetivo, precisamos saber viver esse tempo e desfrutar de tudo o que possa nos dar de positivo. A pré-condição para isso está na palavra: resiliência.


O conceito vem do mundo da metalurgia onde indica a capacidade de um metal de resistir às forças sobre ele aplicadas. Assim, no lugar de se quebrar, o metal, por assim, dizer, ricocheteia o golpe de volta. Resiliente, portanto, é o contrário de frágil. O termo foi adquirido pela psicologia para apontar para a força moral de superação, para a capacidade psicológica de enfrentar e se recuperar de eventos traumáticos.


Há uma diferença, porém, entre a resiliência do metal e a nossa. É uma importante diferença e é a que nos permite de fato sermos resilientes. No campo metalúrgico, a resiliência é a capacidade de rejeitar o golpe, de devolver o ataque e permanecer inteiro. No mundo humano, para permanecermos inteiros e sermos capazes de reorganizar nossas vidas precisamos acolher o golpe, reconhecê-lo e assumi-lo. Vejamos o que significa.


A resiliência em nós ocorre quando, no lugar de permanecermos na negação ou da obsessiva determinação a “não ser desviado” no nosso objetivo, aceitamos o percalço, nos deixamos impactar pelo o choque porque somente assim podemos processa-lo – passagem fundamental! – ou seja: compreender, digerir e integrar. Cumprida esta etapa, precisamos flexibilizar as expectativas e as metas no sentido de nos disponibilizarmos emocional e cognitivamente para criar alternativas à nossa ação, projeção e caminho já estabelecidos. Desta forma, fluidificamos nossa realidade ao ponto de podermos replasma-la. Não se trata necessariamente de mudar as metas, mas estas podem se apresentar de outras formas, assumir novos aspectos, outras perspectivas. O mesmo com os caminhos: as estradas que levam a Roma são muitas, diziam os antigos romanos. A metodologia pode ser alterada.


É essencial, portanto, evitar fixações, obsessões, enrijecimento do ego e de sua vontade soberana. A vida nos mostra constantemente, e estes tempos mais do que nunca, que não somos donos de nada, nem da nossa vida. Tudo pode variar a qualquer momento. Como permanecer estruturados e mental e emocionalmente saudáveis? Abrindo mão dos detalhes e se abrindo a novas ideias – ideias de como implementar o que estávamos perseguindo.

Conforme as palavras que eu ouvi tantas vezes meu querido pai repetir, “A força da água consiste em continuar fluindo, ela contorna os obstáculos e chega assim ao mar.” A água não luta contra as pedras no caminho, ela as contorna, seguindo fluidamente resoluta para a sua meta.

Adriana Tanese Nogueira - Psicanalista, filósofa, life coach, terapeuta transpessoal, intérprete de sonhos, terapeuta Florais de Bach, autora, educadora perinatal, fundadora da ONG Amigas do Parto (www.asmigasdoparto.org), do AELLA - Instituto Internacional Ser&Saber Consciente (www.institutossc.com) e do ConsciousnessBoca.com em Boca Raton, FL-USA. +1-561-3055321

Photo by Edurne Chopeitia on Unsplash

0 visualização

Nota a alunos e interessados: Informamos que todas as mensagens recebidas via WhatsApp e e-mail serão respondidas dentro de 48 horas úteis. Mensagens recebidas no final de semana serão respondidas na segunda feira. Lembramos que o nosso horario de atendimento é de segunda a sexta das 9:00 às 19:00 de Brasília.

Desde já agradecemos pela compreensão.

 

Diretoria

Instituto InternacionalAella - Ser&Saber Consciente

AELLA - Instituto Internacional Ser&Saber Consciente

Empresa mantenedora: Consciousness Boca

Registration Number: G12000071316. Desde 17/07/2012

Endereço: 3200 N Federal Hwy 206-19. Boca Raton, FL 33431 - USA

Email: info@institutossc.com

Celular/WhatsApp: + 55 11 9 6020 7474 (Cláudia)

Responsável: Adriana Tanese Nogueira

  • YouTube - Black Circle
  • Facebook Basic Black
  • Instagram Basic Black